novembro 07, 2014

Da simpatia à primeira vista

Veio amável como quem não quer nada
Sorriu e a simpatia estava ali
Estampada

Dos seus olhos
Duas facas perfuram seu peito

Nenhum comentário: