maio 20, 2014

Loucura

Pra quê você se presta a esse papel?
A guerra já não estava ganha?

Neste mundo de loucos,
minha felicidade soa como insanidade

Sigo feliz,
apenas.

maio 17, 2014

Mensagem na garrafa

No balançar das águas, uma mensagem na garrafa chega a uma ilha. Devagar, lentamente, um achado em meio as areias daquele lugar. A surpresa vem ao sacar a rolha. Brisa de outros tempos. Sorrisos de outrora. A paz da infância perdida no tempo. Tudo aquilo estava de volta.

Agora, atracada em um porto seguro, os velhos ventos voam livres para todo canto e retornam àquele que o liberta. Ligação criada apenas pela mágica de existir.

maio 13, 2014

Máquina de repetição

Criada para isso
a Máquina de Repetição vivia a repetir

Repetia erros
Repetia versos
Repetia ações

Um dia a máquina quebrou.

maio 11, 2014

Medo

Onde está a coragem?
A força para nunca temer o que vem por ai?

Me pego com medo
de viver coisas simples

maio 07, 2014

Café

Já já vou passar um café
para ver se o cheiro te traz pra mim

Acostumei

Vem dormir comigo
Vou te esperar o tempo que for

ilusão

Meus sentimentos não cabem numa caixinha

Cabem num coração
Num olhar
Num sorriso

Presentes não me iludem

Livre

E por que é que me vem um sorriso ao lembrar de você?
E vejo a fumaça se desfazer nas nuvens
E logo vem novas risadas
Sabe-se lá de que

As tardes e as loucuras que nunca tive
Apenas nós mesmos
E a liberdade que nos junta

maio 06, 2014

Super-heróis

Uma dupla
Vem e me mostra seus poderes
Nosso amor quase infantil