outubro 14, 2011

Desesperança

Na desesperança de seus amores perdidos
seguia sem forças

te vejo hoje a noite...

Nenhum comentário: