janeiro 15, 2011

Lixo

O que me faz tão descartável?

Um comentário:

Thais Brandão. disse...

O fugaz fato de ser humano...