fevereiro 02, 2010

Uma face e meia do amor

Porque lhe custou descobrir
Que o amor agora
Estribuchava entre os dedos sujos do pé
O que acreditava ser possível.

Sentia nojo.
O que restava agora?
Sofrer e correr para os braços
de seu outro amor...

Nenhum comentário: