fevereiro 21, 2009

Promessa dos 15 anos

Ao passado que deixo pra trás, prometo mudar a partir de agora. O juramento se faz aos 15 anos, não porque essa seja uma idade em que me considero crescido, mudado ou adulto, faz-se da necessidade de mudar, de ser eu, de impor respeito.
Prometo buscar respostas àquilo que não entendo, correr atrás dos sonhos que desejo, não me arrastar por um grande amor. Não vale a pena. As pessoas não valorizam o que vem de graça.
Prometo ser justo, amigo ou traiçoeiro, de acordo com o merecimento alheio.
Prometo reviver a imagem dos meus ídolos que já se foram e não deixá-los esquecidos. Alimentar-me das coisas e valores que acredito. Viver intensamente.
Prometo viver a liberdade utópica, mesmo que isso signifique ser prisioneiro de mim mesmo.

5 comentários:

Marcel disse...

Ai, minino...
Muito boa sorte. Com o blog e com a promessa.

Ah, não vai ser difícil viver intensamente na Ufes.

Raphael Perov disse...

Promessa de verdades!!!

caixadevinis disse...

Nunca faça promessas, a não ser para quebrá-las.

R.R_ O Souza disse...

Perfeito cara, sua promessa é valida e seus sonhos têm grande valor!
Espero que esse curso te ajude a trilhar os caminhos que pretende!^^

J. Sodré disse...

Sim, essas promessas.

Ontem, fiz as minhas...